História de Morretes


Pra você que tem curiosidade, senta que lá vem história!

Morretes foi fundada, oficialmente, em 1721. O ouvidor Rafael Pires Pardinho quem determinou que a Câmara Municipal de Paranaguá autorizasse a demarcação para a instalação do povoado de Morretes

Mas antes disso quem ocupou a região de Morretes foram os índios carijós - até o século XVI. A partir de 1646, com a descoberta de jazidas de ouro, a região passou a ser ocupada por mineradores e aventureiros de São Paulo.


No período de 1811 a 1832, Morretes bombava no comércio, na a indústria, em particular a indústria de beneficiamento de erva-mate.


Em 1823, foi construído um grande teatro de madeira e, nele, foram levados à cena, por jovens morretenses, peças teatrais de grande importância, inclusive uma comédia do famoso escritor da Grécia Antiga Esopo. Em 11 de outubro de 1843, foi criado um Batalhão da Guarda Nacional. Morretes enviou para a Guerra do Paraguai, em 1865, uma companhia de guerra de setenta soldados.


Com a chegada dos trilhos de aço da Estrada de Ferro Paraná ao litoral, cujo tráfego iniciou-se em 1885, Morretes decaiu vertiginosamente: seu comércio foi altamente prejudicado, parando os engenhos de erva-mate e afetando toda a estrutura sócio-econômico-cultural do município. A partir de então, operou-se uma reação, reconquistando o município, aos poucos, sua importância no contexto do estado do Paraná.


A colônia agrícola Nova Itália, que era dividida em doze núcleos coloniais, foi fundada em 22 de abril de 1878, em terreno doado pelo coronel Antônio Ricardo dos Santos. Nela, foram estabelecidas 543 famílias, num total de 2 296 pessoas. Mais tarde, muitos colonos deixaram o lugar e se transferiram para outras colônias, motivados principalmente pela inadaptação ao clima de Morretes. O distrito de Porto de Cima é um dos mais importantes pontos de referência histórica, não só para o povo morretense, mas para todo o Paraná.




** A Casa da Estação é o bed & breakfast mais charmoso de Morretes. Uma casa centenária com um jardim que ocupa 8 mil m2, com mais de 100 árvores. Perto de trilhas, rios e cachoeiras; passos do centrinho histórico de Morretes e da estação de trem.​ A Casa da Estação tem 4 suítes duplas e 2 suítes quádruplas, uma piscina no jardim, horta e uma cozinha comunitária toda equipada (incluindo churrasqueira) ! É como se fosse uma pousada, mas com a experiência de estar em uma casa. ***



Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Rua Luis Bastos, 92  - Rocio
Morretes, PR  83350-000  

 

Entre Abril e Novembro a Casa hospeda somente de quinta a domingo.

 

Se quiser reservar para outros dias, entre em contato para ver se conseguimos te atender

  • Black Instagram Icon
  • Facebook Basic Black

© 2017 por Casa da Estação - a casa mais charmosa pra ficar em Morretes